Notícias

Configura abaixo todas as notícias publicadas em nosso site. Caso tenha alguma sugestão Clique aqui !


'Caminho da Fé': peregrino de 56 anos começa caminhada de 700 km de Rio Preto a Aparecida

O novo Ramal de São José, rota que passa por cidades da região noroeste paulista e que integrou o Caminho da Fé, recebeu seu primeiro peregrino. Vivaldo Aparecido Ribeiro, de 56 anos, saiu da Basílica Menor de Nossa Senhora Aparecida, em Rio Preto, neste domingo (10).

Natural de Taubaté (SP), Vivaldo é devoto de Nossa Senhora Aparecida e se preparou para andar por cerca de 700 quilômetros até o Santuário Nacional de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, em Aparecida (SP), na região do Vale do Paraíba.Segundo a Prefeitura de Rio Preto (SP), o novo ramal começa na cidade e segue até Borborema, onde integra o percurso do Ramal Centro Paulista (até a Basílica de Aparecida). O novo trecho foi instituído a partir da peregrinação de Vivaldo, o primeiro romeiro.

Este é o sexto ano de peregrinação do taubateano, que vai comemorar o aniversário de 57 anos na estrada, no dia 18 de janeiro. Antes de sair de Rio Preto, ele organizou a viagem em planilhas e para chegar ao destino no dia 15 de fevereiro.

"Serão cerca de 35 dias andando e um gasto aproximado de R$ 3,2 mil. Faço os agendamentos com as pousadas antes de sair e, a cada dois ou três dias antes da chegada, faço contato confirmando a estadia", explica."Eu vou completar o percurso com Deus e Nossa Senhora Aparecida. Algumas pessoas me param no caminho e começam a falar que estão me apoiando. Isso me emociona muito e me dá forças para continuar."

O peregrino relata que o que mais importa são as experiências vividas em cada percurso e que está fazendo o caminho por devoção à Nossa Senhora Aparecida.

"Tenho muita fé nela. Mas também estou fazendo pelas pessoas que me dão forças, que me pedem orações, que decidem fazer o caminho depois de verem minhas fotos. Então, penso que jamais posso desistir", conta.

"Me sinto acolhido por moradores que nunca vi antes. Muitos me oferecem um copo de água geladinho, um café para dar energia, comida e até mesmo uma cama quentinha. Cada caminho é um caminho, nunca será o mesmo. A emoção é diferente a cada trajeto. O que importa não é a quantidade de vezes em que passei pelo Caminho da Fé, mas sim como eu fiz cada um deles", complementa.O Caminho da Fé é um trajeto de peregrinação brasileiro inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha.

O percurso, que foi oficializado em 2005, conta com diversas rotas até a cidade de Aparecida. Uma delas é o novo Ramal de São José, que sai de Rio Preto e passa por Engenheiro Schmitt, Cedral, Potirendaba, Ibirá, Urupês, Vila Nova Cardoso e Novo Horizonte até chegar a Borborema, totalizando 170 quilômetros, integrando o trecho com o Ramal Centro Paulista.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico de Rio Preto, além de movimentar devotos de todo o Brasil, a peregrinação também fomenta a economia das cidades.O Caminho da Fé é um trajeto de peregrinação brasileiro inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha.

O percurso, que foi oficializado em 2005, conta com diversas rotas até a cidade de Aparecida. Uma delas é o novo Ramal de São José, que sai de Rio Preto e passa por Engenheiro Schmitt, Cedral, Potirendaba, Ibirá, Urupês, Vila Nova Cardoso e Novo Horizonte até chegar a Borborema, totalizando 170 quilômetros, integrando o trecho com o Ramal Centro Paulista.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico de Rio Preto, além de movimentar devotos de todo o Brasil, a peregrinação também fomenta a economia das cidades."Existe um giro nesses locais, já que o peregrino acaba consumindo nas cidades. Esperamos, a médio prazo, a consolidação do roteiro e o aquecimento de setores como hotelaria, alimentação e transporte."

Todo o trajeto é sinalizado e passa por trechos de estradas de terra, asfalto e trilhas dentro de fazendas e ao lado dos trilhos de trem.







Copyright © 2021. Direitos de conteúdo reservados a:
RADIO CIDADE ALEGRIA FM

Mauritec